OUÇA AO VIVO
TELEFONES

Bastidores…

Novidades na Cultura
Festivais culturais são a novidade deste ano no cronograma de eventos da Secretaria de Cultura e Turismo de Capivari, com o intuito de valorizar os músicos da cidade. Os shows devem acontecer no espaço de apresentações da própria Secretaria de Cultura, no bairro Estação.
Atividades culturais/festivas tradicionais no município, como o Encontro de Carros Antigos e o Natal Luz, estão mantidas para 2019.

Miss Capivari
O concurso de Miss Capivari deve acontecer no dia 04 de julho, no salão do Capivari Clube. Realizado há 19 anos, o concurso é um sucesso. Parabéns a Adriana Panza e todos os envolvidos no evento.

Manhã literária
Sempre organizada para o 2º sábado de cada mês, a feira de livros acontece na Praça Central, com programação a partir das 9h.
Mais uma edição do Manhã Literária acontece neste sábado (09/03), a partir das 9h, na Praça Central de Capivari.

Fórum sobre acolhimento de crianças e adolescentes
Reflexões sobre os principais assuntos relacionados ao tema foram promovidas em dois dias de palestras na Câmara Municipal.
A Prefeitura de Capivari, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, realizou, em parceria com Teto & Afeto Capivari (Família Acolhedora), o 2º. Fórum sobre Acolhimento de Crianças e Adolescentes, nos dias 27 e 28/02, na Câmara Municipal.

Presidente da Câmara participou do Fórum
O presidente da Câmara, Flávio Carvalho, participou com um discurso na abertura do evento e fez parte da mesa principal.
Cerca de 220 pessoas de Capivari e mais 50 outras cidades do estado, que compõem a Rede de Serviços do Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente, participaram do Fórum, que teve 3 expositores: Jane Valente, Nina Rosa Amaral e Sérgio Luiz Kreuz.
Jane é assistente social, mestre e doutora em serviço social; Nina é psicóloga, mestre em educação e doutora em psicologia; e Dr. Sérgio é juiz da Corregedoria do Estado do Paraná.
Os profissionais altamente qualificados, trouxeram temas tanto de lado humano e social, quanto de aspectos jurídicos, como as relações de apego e desapego nos serviços de acolhimento, a importância da implementação do Serviço de Acolhimento em Família Acolhedora e a Política Nacional de Assistência Social, entre outros assuntos.
Além disso, o evento contou com representantes do Instituto Geração Amanhã e da ANGAAD – Associação Nacional dos Grupos de Apoio à Adoção.

Câmara elogiada
A Câmara Municipal foi muito elogiada pelos participantes, pelo espaço oferecido, amplo, com estacionamento e uma ótima estrutura, tanto por parte dos funcionários como pelo espaço físico.

Dr. Guacyro pede recape em ruas do Moreto
O vereador Dr. Guacyro protocolou uma indicação ao Poder Executivo para que se efetue, com urgência, o recape da rua Tenente Abílio Morais de Almeida, o parlamentar também pediu recape na rua Santa Catarina, as 2 no bairro Moreto.

Pontes: sinal de alerta
As pontes de Capivari deveriam passar por uma inspeção realizada por uma empresa de Engenharia Civil.
Um exemplo, a ponte da rua Bento Dias, na saída da cidade, tem mais de 60 anos que foi construída, na administração Miguel Simão Neto, passou por diversas enchentes que podem ter abalado sua estrutura, na época que foi construída o fluxo de caminhões não era tão intenso. Existia um número reduzido de veículos.
A da XV de Novembro também tem mais de meio século, por quantas enchentes passou essa ponte?
E, na época, também o fluxo de veículos não era tão intensa como é hoje.

Barragem da fazenda Milhã
A barragem da fazenda Milhã, que abastece mais de 25% das residencias de Capivari e foi construída por Romeu Annichinno há meio século, também necessitava de uma grande inspeção, para prevenir uma possível tragédia.
Imaginem se estoura aquela barragem, o transtorno para população, para o meio ambiente e até vítimas humanas.
Depois que a boiada estoura, não adianta fechar a porteira.

Aniversário de Rafard
Este mês a cidade coração faz 54 anos de emancipação política, administrativa. A cidade terá o tradicional Desfile de Cavaleiros, entre outros eventos.

Honorários advocatícios
O vereador Júnior Pazianotto propôs ao prefeito municipal de Capivari, Rodrigo Proença, e teve atendido seu pedido para que os honorários advocatícios sejam parcelados conforme o parcelamento do Programa de Recuperação Fiscal (Refis)
A mudança beneficiará os contribuintes que aderirem ao Refis.
O vereador relatou que os contribuintes em atraso tinham dificuldade na adesão ao Refis devido ao pagamento da 1ª parcela, na qual eram cobrados honorários advocatícios.
“Sempre que a Prefeitura fazia Refis recebíamos reclamações quanto à primeira parcela, que embora tivesse descontos de juros e multas, vinha com a cobrança integral de honorários”, disse.

Compartilhar
AnteriorSintético Placar 09/03/2019
Próximo Contribua Sem Medo
Correio de Capivari - Tamires Rocha
Ricardo Cruzatto | Jornalista Profissional, Curso Superior em Gestão Ambiental (UNIMES) com Cursos online de Filosofia, Sociologia, História e Ética pela FGV.